Manual do professor



Download 5.67 Mb.
Page99/103
Date08.12.2018
Size5.67 Mb.
1   ...   95   96   97   98   99   100   101   102   103
. Acesso em: 5 maio 2016.

Home Alone. Direção: Chris Columbus. EUA, 1990.

Uma família de Chicago planeja passar o Natal em Paris. Porém, em meio às confusões da viagem, um dos filhos, Kevin (Macaulay Culkin), acaba esquecido em casa. O garoto de apenas oito anos é obrigado a se virar sozinho e defender a casa de dois insistentes ladrões.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

The Lord of the Rings. Direção: Peter Jackson. EUA, 2001, 2002, 2003.

Numa terra fantástica e única, chamada Terra-Média, um hobbit (seres de estatura entre 80 cm e 1,20 m, com pés peludos e bochechas um pouco avermelhadas) recebe de presente de seu tio um anel mágico e maligno que precisa ser destruído antes que caia nas mãos do mal. Para isso o hobbitFrodo (Elijah Woods) terá um caminho árduo pela frente, onde encontrará perigo, medo e personagens bizarros. Ao seu lado para o cumprimento desta jornada, ele poderá contar com outros hobbits, um elfo, um anão, dois humanos e um mago, totalizando 9 pessoas que formarão a Sociedade do Anel.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

Planet of the Apes. Direção: Tim Burton. EUA, 2001.

San Francisco, EUA. Will Rodman (James Franco) é um cientista que trabalha em um laboratório onde são realizadas experiências com macacos. Ele está interessado em descobrir novos medicamentos para a cura do mal de Alzheimer, já que seu pai, Charles (John Lithgow), sofre da doença. Após um dos macacos escapar e provocar vários estragos, sua pesquisa é cancelada. Will não desiste e leva para casa algumas amostras do medicamento, aplicando-as no próprio pai. Leva também um filhote de macaco de uma das cobaias do laboratório. Logo Charles não apenas se recupera como tem a memória melhorada, graças ao medicamento. Já o filhote, que recebe o nome de César, demonstra ter inteligência fora do comum, pois recebeu geneticamente esses mesmos medicamentos aplicados na mãe. O trio leva uma vida tranquila, até que, anos mais tarde, o remédio para de funcionar em Charles e, em uma tentativa de defendê-lo, César ataca um vizinho. O macaco é então engaiolado, onde passa a ter contato com outros símios e, cada vez mais, se revolta com a situação.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

Slumdog Millionaire. Direção: Danny Boyle, Loveleen Tandan. Reino Unido, 2009.

Jamal K. Malik (Dev Patel) é um jovem que trabalha servindo chá em uma empresa de telemarketing. Sua infância foi difícil, tendo que fugir da miséria e violência para conseguir chegar ao emprego atual. Um dia ele se inscreve no popular programa de TV “Quem Quer Ser um Milionário?”. Inicialmente desacreditado, ele encontra em fatos de sua vida as respostas das perguntas feitas.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

The Phantom of the Opera. Direção: Joel Schumacher. EUA, Reino Unido, 2005.

La Carlotta (Minnie Driver) é a diva de uma conceituada companhia teatral, que é responsável pelas óperas realizadas em um imponente teatro. Temperamental, La Carlotta se irrita pela ausência de um solo na nova produção da companhia e decide abandonar os ensaios. Com a estreia marcada para o mesmo dia, os novos donos do teatro não têm outra alternativa senão aceitar a sugestão de Madame Giry (Miranda Richardson) e escalar em seu lugar a jovem Christine Daae (Emmy Rossum), que fazia parte do coral. Christine faz sucesso em sua estreia, chamando a atenção do Visconde de Chagny (Patrick Wilson), o novo patrocinador da companhia. Visconde e Christine se conheceram ainda crianças, mas ele apenas a reconhece na encenação da ópera. Porém o que ele não sabe é que Christine tem um tutor misterioso, que acompanha nas sombras tudo o que acontece no teatro: o Fantasma da Ópera (Gérard Butler).

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

The Sisterhood of the Travelling Pants. Direção: Ken Kwapis. EUA, 2005.

Tibby (Amber Tamblyn), Lena (Alexis Bledel), Bridget (Blake Lively) e Carmen (America Ferrera) se conhecem desde bebês, já que suas mães faziam aula de aeróbica juntas. Elas nasceram no mesmo mês e cresceram juntas, tornando-se grandes amigas. Agora com 16 anos elas estão prestes a se separar pela primeira vez, já que Bridget, Lena e Carmen planejam viajar nas férias de verão. Em uma ida às compras antes da separação, elas encontram uma calça jeans que, estranhamente, cabe perfeitamente nelas. As amigas decidem comprá-la e iniciar uma irmandade em torno da calça, acreditando que ela seja mágica pelo fato de se adequar aos corpos diferentes que possuem. São definidas regras para o uso da calça, sendo que uma delas é que cada uma das amigas poderá usá-la durante uma semana.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 maio 2016.

Titanic. Direção: James Cameron. EUA, 1997.

Jack Dawson (Leonardo DiCaprio) é um jovem aventureiro que, na mesa de jogo, ganha uma passagem para a primeira viagem do transatlântico Titanic. Trata-se de um luxuoso e imponente navio, anunciado na época como inafundável, que parte para os Estados Unidos. Nele está também Rose DeWitt Bukater (Kate Winslet), a jovem noiva de Caledon Hockley (Billy Zane). Rose está descontente com sua vida, já que se sente sufocada pelos costumes da elite e não ama Caledon. Entretanto, ela precisa se casar com ele para manter o bom nome da família, que está falida. Um dia, desesperada, Rose ameaça se atirar do Titanic, mas Jack consegue demovê-la da ideia. Pelo ato ele é convidado a jantar na primeira classe, onde começa a se tornar mais próximo de Rose. Logo eles se apaixonam, despertando a fúria de Caledon. A situação fica ainda mais complicada quando o Titanic se choca com um iceberg, provocando algo que ninguém imaginava ser possível: o naufrágio do navio.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 5 de maio 2016.

2. Personal answers.

Página 60



Let’s focus on language!

1. a) That medicos may have used mobiles to cheat in an exam.
Página 203

b) No.


c) The fact itself.

d) “Medicos may have used mobiles to cheat: Cops”; “Police have given us an interim report that suggests there could have been malpractice…” Present Perfect.

Medicos”

De acordo com o Dicionário Cambridge, a palavra “medico” é um termo informal no inglês britânico que equivale a doctor.

Fonte de pesquisa: . Acesso em: 23 maio 2016.

2. a) To talk about past experiences without mentioning when they happened.

c) To talk about a past event that has present consequences.

Página 61

Let’s focus on language!

3. a) Have you ever accessed wireless Internet on a tablet?

b) Have you ever played (any) online games?

c) Have you ever bought anything online?

d) Have you ever made new friends online?

e) Have you ever downloaded content on your cell phone?

f) Have you ever used a cell phone in class?

g) Have you ever tweeted a famous person?

h) Have you ever uploaded YouTube content?

i) Have you ever needed to call your parents in an emergency?

j) Have you ever sent an e-mail with a smartphone?

Professor, sugerimos lembrar os alunos de que, para reportar a resposta do colega, devemos usar a terceira pessoa do singular e, portanto, a forma do verbo auxiliar muda para “has”. Chamar a atenção para o fato de que, na linguagem oral, geralmente se usa a forma contraída do verbo “has” com o pronome pessoal: “he’s”, “she’s”, etc.

Smartphone

Em tradução literal, “um telefone inteligente”. E não há melhor maneira de definir esse tipo de produto. Ele é a evolução do celular. A capacidade de realizar e receber chamadas é “apenas um detalhe” para esse aparelho, que permite uma infinidade de possibilidades. Os smartphones são híbridos entre celulares e computadores. Não têm o hardware potente de um PC, mas também não são tão simples quanto um telefone. Afinal, eles englobam algumas das principais tecnologias de comunicação em somente um local: internet, GPS, e-mail, SMS, mensageiro instantâneo e aplicativos para muitos fins.

Adaptado de: . Acesso em: 23 maio 2016.

4. b) Picture quality has improved.

c) Prices have come down.

d) The smartphone has killed the landline phone.

e) Smartphones have replaced the need for pocket cameras.

f) Cell phones have become our inseparable companions.

Página 62



Let’s focus on language!

5. a) A – for

b) B – since

Professor, recomendamos fazer um brainstorm em grupo para apontar as mídias sociais que poderiam ser incluídas na timeline.

De acordo com o Parecer CNE/CEB 15/2000, “o uso didático de imagens comerciais identificadas pode ser pertinente desde que faça parte de um contexto pedagógico mais amplo, conducente à apropriação crítica das múltiplas formas de linguagem presentes em nossa sociedade, submetido às determinações gerais da legislação nacional e às específicas da educação brasileira, com comparecimento módico e variado”. Para saber mais, consulte o Parecer inteiro, especialmente a parte “II – Voto do relator”.

Disponível em: . Acesso em: 25 maio 2016.

Social media

Mídias sociais. São espaços de interação entre usuários. São considerados exemplos de mídias sociais: blogs, redes sociais, fóruns, e-groups, instant messengers, wikis, sites de compartilhamento de conteúdo multimídia. Nesses canais, as pessoas podem dialogar e compartilhar informação. O conteúdo de uma mídia social tende sempre ao infinito, uma vez que qualquer membro pode contribuir a qualquer momento. Este diálogo entre usuários constitui blocos colaborativos de opinião.

Adaptado de: . Acesso em: 23 maio 2016.

Página 63 Let’s focus on language!



6. a) A – since; B – has made; C – have been able

b) D – Since; E – has become

c) F – Since; G – has changed; H – has come

d) I – Since; J – has grown; K – has been; L – has lost

e) M – has been; N – for; O – have evolved

Beyond the lines...

a) Personal answer.

b) Personal answer.

c) Personal answer.

d) Personal answer.

Página



64 Let’s read!

Before you read…

a) Personal answer.

b) Personal answer. Professor, caso julgue interessante e seja possível, pedir aos alunos que liguem os celulares e enviem mensagens para os colegas de sala. Após o recebimento das mensagens, chamar a atenção sobre o gênero e suas características: abreviação, textos curtos, etc.

Sugerimos a você que lide com essas perguntas oralmente, pedindo aos alunos que mantenham os livros fechados. As perguntas podem ser dirigidas à turma toda, e voluntários podem ser encorajados a escrever no quadro de giz exemplos de texting abbreviations que eles conhecem, em inglês ou em português.



1. a) It is a news report.

b) Possible answer: It says texting is not new.

c) Yes, we can. In “emblematic poetry”, the writer combines numbers and letters.

Página 65

d) Personal answer.

e) Personal answer.

f) Personal answer.

g) Personal answer.



2. a) Personal answer.

b) Personal answer.


Página 204

Página 66



Profession spot

I – D


II – C

III – B


IV – A

Professor, os alunos também poderão responder II – A e IV – C.



Vocabulary corner

1. Personal answers.

2. b) before

c) boyfriend

d) by the way

e) because

f) see ya/you

g) for your information

h) girlfriend

i) got to go

j) just kidding

k) later


l) laugh out loud

m) hugs and kisses

n) roll on floor laughing

o) what’s up?

p) thanks

q) with


r) sleeping or bored

Página 67



Let’s act with words!

Let’s write a text message

Professor, esta atividade poderá ser desenvolvida em sala ou em casa (parcial ou totalmente). A correção em pares na sala de aula poderá auxiliar o desenvolvimento da produção escrita.

Sugerimos chamar a atenção dos alunos para o gênero mensagem de texto, que geralmente é marcado pela concisão, pela objetividade e pelas abreviações. É interessante relembrar as abreviações trabalhadas na unidade e também encorajar os alunos a pesquisar outras. Convide-os a trabalhar em conjunto, lendo, revisando e dando feedback às mensagens uns dos outros.

Página 68



Let’s study for Enem

1. e) uma revista semanal especializada em informações sobre a indústria da música.

2. e) serviços que permitem que portadores de equipamentos móveis se conectem à internet.

3. c) informar aos comerciantes sobre os benefícios da computação móvel.

Página 70



Time for literature

1. a) Personal answers.

b) Personal answers.

c) Personal answers. Professor, sugerimos a você que faça, antes da atividade, um brainstorming de nomes de obras e autores que os alunos conhecem, não se limitando aos clássicos. Este é um momento em que eles podem falar, por exemplo, de autores populares em sua região e de estilos dos quais gostam, além dos sugeridos nas perguntas a seguir.

2. a) She was 24.

b) Suggested answer: She read and wrote a lot during her life and exercised her creativity as much as she could.

c) First Impressions

d) Personal answer.

Página 71

Time for literature

3. a) Jane Austen wrote six novels.

c) There was a large library in Jane Austen’s home.

d) Jane’s family was interested in creating and performing plays.

4. a) Both girls portrayed are facing the same direction.

b) The position of the hands is the same.

e) The expressions on both faces are similar.

Página 73



Time for literature

6. a) Eight.

b) Male: Mr. Bennet, Mr. Bingley; Sir William. Female: Mrs. Long; Lady Lucas; Lizzy; Jane; Lydia.

c) Mrs. Bennet.

d) She thinks that the new neighbor may fall in love and marry one of her daughters.

e) Mrs. Long had told her about him.

f) Five.


g) Lizzy, Jane, and Lydia.

h) Yes, Mr. Bennet seems to prefer Lizzy.

i) Horses and carriages.

j) Suggested answer: Mr. and Mrs. Bennet and their daughters. Perhaps Lizzy and Mr. Bingley.



7. b) dialogues

8. Propomos a você que se certifique de que os alunos conseguem localizar essas marcas no texto, caracterizadas pelo uso de aspas. Eles poderão escolher livremente três casos. Ao corrigir o exercício, pedir a alguns alunos que leiam as partes que selecionaram e digam “quem está falando com quem” em cada caso.

9. a) It doesn’t matter if twenty young men come to the neighborhood, because you have no intention of visiting them.

Página 74



Time for literature

10. A–III/B–I, V/C–IV/D–VII/E–II

11. a) reserved

b) capricious

e) sarcastic

12. A – a rich young man is moving into the neighborhood

B – introducing himself to the young man

C – sending the girls by themselves

D – their preference for one or another

E – with the reader not knowing whether Mr. Bennet will visit Mr. Bingley or not.

13. Answers may vary. Suggested answer: Marriages are based on love; or the desire to have a family; sometimes on financial interests.

14. Personal answers.

15. Personal answers.

16. Personal answers (In some families in India and in the Middle East, for example.)

17. A–III; B–I; C–II; D–V; E–IV
Página 205

Página 75



Time for literature

18. a) The letter “u” in the British spelling./The absence of the letter “u” in the American spelling.

b) British English.



19. a) Suggested answer: To show intonation emphasis and to imply hidden intentions, respectively.

b) The word “you” would have a rising tone while “may” would be pronounced slowly and maliciously.

Professor, sugerimos a você que proponha a seguinte atividade aos alunos como parte deste exercício: em duplas, eles devem encontrar outros exemplos de entonação no texto e dramatizar esses trechos, como se estivessem participando de uma peça ou de um filme. Os trechos são “I certainly have had my share of beauty, but I do not pretend to be anything extraordinary now”, “But you are always giving her the preference” e “Her mind was less difficult to develop”.

20. Suggested answer: They would call each other by their first names.

21. Formal.

a); c); d); f); g); h); i); j)



Part 3 - PRINT MEDIA

Unit 5 Extra! Extra!

Objetivo geral

Levar os alunos a falar sobre reportagens jornalísticas e entender textos em jornais impressos e on-line. Aprender a escrever manchetes e fazer clippings de jornais.



Objetivos específicos

Levar os alunos a:

• reconhecer características do gênero manchete;

• reconhecer características do gênero strapline;

• reconhecer características do gênero reportagem;

• aprender a falar de ações completadas no passado;

• aprender a descrever ações em progresso no passado;

• aprender a expressar opiniões;

• aprender a ler imagens;

• praticar a pronúncia da ligação entre palavras;

• praticar a pronúncia do som “-s” inicial;

• produzir um clipping de notícias para o portfólio.



Sobre o tema da unidade

Esta unidade trata de reportagens em jornais impressos e on-line.



Comentários, sugestões e respostas

Página 78 The Future May Be Online, but Many Will Slip Through the Net

Professor, a leitura detalhada do texto não é essencial para o desenvolvimento da unidade. Sugerimos utilizá-lo para exemplificar as partes de uma notícia de jornal.

Página 79



Lead-in

1. A – headline; B – strapline; C – headline; D – lead; E – headline; F – lead; G – body; H – caption It gives the gist of the piece of news; it is usually highlighted in bold and in large typeface.

2. I–B; II–H; III–C; IV–F; V–A; VI–I; VII–G; VIII–D; IX–E

3. Personal answer.

4. a) General News

b) Art and Entertainment Section

c) Local and Foreign News Section

d) General News

e) Business and Finance Section

Sismo e tsunami do Oceano Índico de 2004

O sismo e tsunami do Oceano Índico de 2004 foi um terremoto/sismo submarino que ocorreu às 00:58:53 UTC de 26 de dezembro de 2004, com epicentro na costa oeste de Sumatra, na Indonésia. O terremoto é conhecido pela comunidade científica como terremoto de Sumatra-Andaman.

O terremoto foi causado por uma subducção que desencadeou uma série de tsunamis devastadores ao longo das costas da maioria dos continentes banhados pelo Oceano Índico, o que causou a morte de mais de 230 mil pessoas em 14 países diferentes e inundou comunidades costeiras com ondas de até 30 metros de altura. Foi um dos mais mortais desastres naturais da história. Em número de vítimas, a Indonésia foi o país mais atingido, seguida por Sri Lanka, Índia e Tailândia.

Com uma magnitude de entre 9,1 e 9,3, foi o terceiro maior terremoto já registrado em um sismógrafo. Este sismo teve a maior duração de falha já observada, entre 8,3 e 10 minutos. Isso fez com que o planeta inteiro vibrasse em um centímetro e deu origem a outros terremotos em pontos muito distantes do epicentro, como o Alasca, nos Estados Unidos. Seu hipocentro foi a cerca de 30 km de profundidade e o epicentro situou-se entre Simeulue e Samatra.

A situação de muitos povos e países afetados em todo o mundo provocou uma resposta humanitária. Ao todo, a comunidade mundial doou mais de 14 bilhões de dólares em ajuda humanitária. [...] Os países mais afetados foram:

• Indonésia, ilha de Samatra, estado de Banda Aceh.

• Sri Lanka, com milhares de mortos e milhares de desalojados; por esse motivo o estado de emergência nacional foi declarado.

• Índia, na Costa de Coromandel, nomeadamente os estados de Tamil Nadu, Andhra Pradesh e os arquipélagos Andamão e Nicobar onde algumas ilhas foram totalmente submersas.

• Tailândia, especialmente as estâncias turísticas das Ilhas Phi Phi e Ilhas Phuket.

• Malásia.

• Ilhas Maldivas, onde dois terços da capital, Malé, foram inundados pelo tsunami.

• Bangladesh. Disponível em:




Share with your friends:
1   ...   95   96   97   98   99   100   101   102   103


The database is protected by copyright ©sckool.org 2019
send message

    Main page